Turismo do MS se reúne com MTur para defender participação do Fornatur em decisões da Pasta

Campo Grande (MS) – Durante reunião técnica do Fornatur realizada na última semana, a Fundação de Turismo defendeu a participação do Fórum nas decisões do acordo de cooperação entre Ministério do Turismo, Embratur e Sebrae Nacional, que prevê o lançamento de um programa de ações de extrema importância para os próximos anos, com investimentos financeiros para o setor.

Como resultado, o Fórum foi convidado pelo MTur a participar nesta terça-feira (26.06) de reunião que discutirá os critérios do acordo de cooperação. A reunião acontece na sede do Ministério do Turismo, Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

Segundo o diretor-presidente da Fundação de Turismo de MS, Bruno Wendling, o papel de liderança que atualmente o turismo de Mato Grosso do Sul desempenha no Fornatur é fundamental. “Hoje somos, juntamente com Minas Gerais, Goiás e Espírito Santo, as lideranças nas ações de fomento do turismo discutidas no Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo. Temos força e voz para pleitear investimentos importantes para nossos destinos e, por isso, o Ministério do Turismo confiou a nós o aval para que os critérios de seleção para o programa de ações seja feito da forma mais democrática possível”, ressalta.

Ações para o turismo de MS

Além das ações pleiteadas no Fornatur, onde Mato Grosso do Sul ocupa a vice-presidência do Centro Oeste, também estão entre as ações planejadas pela Fundação de Turismo a promoção e divulgação do turismo sul-mato-grossense em feiras e eventos, a implantação do Observatório do Turismo do Estado (Observatur) lançado no último mês de maio, a Lei Estadual de Turismo (inexistente até então) que será aprovada na próxima semana, o fortalecimento da regionalização por meio das instâncias de governança, a parceria com o Sebrae para a realização de Road Shows, a parceria com a EMBRATUR e ATTA para a captação do evento AdventureNEXT Latin America como forma de promoção internacional (que será realizado no próximo mês de novembro) e os editais de apoio a eventos de fluxo turístico, que deram transparência ao processo e condições de OSCs e Municípios concorrerem de forma igualitária com base em critérios técnicos.

 

Débora Bordin – Fundação de Turismo de MS | Foto: Fornatur